Elis

  Viver é melhor que sonhar!

  São poucos os artistas no Brasil que me chamam a atenção hoje em dia. Sempre ouvi músicas antigas, desde pequena, por influência da minha mãe e da minha avó. Graças a elas, conheci gênios como Renato Russo, Cazuza... E Elis Regina. Aquela que quando queria dizer algo, não falava. Gritava. A admiração pela cantora sempre foi grande, desde que aprendi aos trancos e barrancos a letra de "Como nossos pais". Por isso, quando disseram que seria lançado um filme biográfico sobre ela, minha expectativa foi altíssima. E graças a Deus, correspondida! 
  Primeiramente, a escolha de elenco foi simplesmente incrível. A caracterização por si só me encantou, mas o talento de Andreia me surpreendeu de todo. A maneira de falar, os gestos, e principalmente o sorriso característico de Elis estavam muito presentes o tempo inteiro. 

Quando eu era criança minha mãe botava pimenta na minha boca. Parece que não adiantou nada.
Resultado de imagem para elis regina filme

  O filme começa com a visita de Elis e seu pai a um produtor no Rio de Janeiro, que havia prometido a gravação de um CD a eles, mas depois acabou mudando de idéia. Apresentando-se em bares, conheceu aquele que viria a ser seu primeiro marido, mas mais importante ainda, conheceu o que é realmente estar em um palco. Aprendendo técnicas aqui e ali, se transformou em um fenômeno na música nacional e mundial. Além de tratar da vida da cantora, o filme também retrata a época da ditadura militar do Brasil e suas consequências, inclusive para os artistas. 
  Uma das coisas mais lindas é acompanhar como as letras surgiram conforme os acontecimentos em sua história, e o amadurecimento em suas composições. Também descobri coisas que não sabia sobre ela e sua família, por exemplo, como ela aprendeu o famoso movimento dos braços se movimentando pra frente e para trás.
  Claro que, infelizmente, sabemos do final dessa história, e eles trataram com tanto respeito e delicadeza, que foi impossível conter as lágrimas. 

Eu sei que o amor é uma coisa boa.
Resultado de imagem para elis regina

  Enfim, recomendo MUITO a todos os fãs da MPB e de Elis, que com certeza deixou sua marca na história da música nacional. Um dos melhores filmes baseado em história real que tive a felicidade de assistir. 

12 comentários:

  1. Ola
    Nunca fui de escutar musicas antigas por nao ter influencias a respeito, apesar de gostar de algumas, porém MPB nunca foi um gênero que me agrada. De qualquer maneira, gostei muito de conferir um pouco a respeito de sua indicação e imagino que seja maravilhosa para os fãs do gênero e da própria Elis. Não tem que nao a conheça né?!
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Oi, conheço musicas dela, graças ao meu pai, mas não costumo ouvir. Por isso não assisti esse filme ainda, digo ainda pois ela realmente é um talento nacional e merece que o filme seja assistido. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Gostei bastante da escolha da atriz que representou a Elis Regina, ficou bastante característico. Gosto bastante de MPB, inclusive das músicas dela. Ótimo texto, beijos!

    ResponderExcluir
  4. Eu ouvi falar desse filme, mas não tive a oportunidade de assistir ainda.
    Eu já meio que li algumas páginas da biografia dela, gostei bastante e espero um dia poder ler mais.
    Gostei da indicação, colocarei na lista.

    Um abraço!
    http://livrosamoremais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu que sou uma amante das músicas mais antigas, estou louca para assistir esse filme e agora minha vontade triplicou. Elis era maravilhosa!Fiquei um pouco receosa com a escolha da Andréia Horta para a interpretação, mas ela chegou a ganhar um prêmio, se não estou enganada foi o Kikito no Festival de Gramado por ser tão realista na interpretação. Sua review está maravilhosa!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    tenho muita vontade de ver esse filme, gostei bastante de como você escreveu!

    https://blogmeuqueridolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Também conheci vários cantores maravilhosos graças a influência dos meus pais. Minha mãe ama o Renato Russo e o meu pai o bom e velho samba. A Elis foi uma cantora espetacular e suas músicas são maravilhosas. Embora eu não escute tantas musicas dela, ouvi o bastante para apreciar suas letras.
    Eu não vi o filme, mas é uma ótima pedida para o recesso.
    Beijos!
    https://aspasevirgula.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Que postagem mais amor é essa? Ouço muito Cazuza, Renato Russo e Elis, mas nunca fui muito atrás de conhecer as coisas e histórias por trás deles, sabe? Não conhecia esse filme, mas acho que ele transmite uma emoção muito grande, principalmente, por mostrar como foi a criação das músicas, adorei isso!
    Sua resenha está extraordinária e espero ter a oportunidade de assistir.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Sou apaixonada por Eis, também sempre tive mta influência dos meus pais para ouvir não só ela, Mas Milton Nascimento, Fagner e admito sou fã de carteirinha de Roberto Carlos...rs.

    Ainda não tive oportunidade de assistir o filme, Vou anotar aqui pra ver assim que tiver um tempo.

    Adoro as músicas dela. Tenho muitas no meu iPod e no computador. E " Como nossos pais" deveria ser o hino dessa juventude de hoje em dia.

    Obrigada pela dica de filme. Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi oi querida!
    Eu já ouvi falar na cantora Elis, mas não sou fã desse gênero musical. Mas gostei de sabe que tem um filme, e acho que vou adorar conhecer um pouco mais sobre a mesma.
    Como o meu pai curte mais Michael Jackson e Madonna, não posso reclamar que não gostei de ter uma base musical estrangeira, porque eu amei. E tenho certeza que Ellis vai me surpreender nas músicas e no filme.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  11. Olá...
    Adorei sua indicação!!!
    Confesso que não ouço muito esse tipo de música, mas, minha mãe ama a Elis, então, meio que me interessei no filme... Espero assistir com minha mãe <3
    Valeu pela dica!
    Bjo

    ResponderExcluir
  12. Oi. Adorei o post!! Adoro a Elis Regina, gosto muito das músicas dela. Ainda não pude conferir o filme, apesar de gostar muito dela, não sou muito de assistir a esse tipo de filmes. Mas quem sabe um dia...

    ResponderExcluir

© Viver em dois mundos - 2016 | Todos os direitos reservados| Tecnologia do Blogger.