Encontrada

Resultado de imagem para encontrada carina rissi  Oi perdidos e perdidas, tudo bem? Hoje irei falar pra vocês sobre Encontrada, segundo livro da série Perdida, escrita pela diva Carina Rissi. Confiram a resenha do primeiro volume aqui! Não tenho como contar pra vocês a história desse livro sem revelar o final do anterior, então estejam avisados, rs.
  Em encontrada, podemos acompanhar uma Sofia muito aflita com a proximidade de seu casamento com Ian, o moço que é 200 anos mais velho que ela na prática, mas que arrematou seu coração quando a mesma acidentalmente voltou para o século dezenove. Sofia teme não conseguir assumir as responsabilidades da "Senhora Clarke". Ser uma senhorita da época já era praticamente impossível pra ela, imagine então ser uma esposa, que deve cuidar da casa, do marido, comparecer a bailes, causar boa impressão, se vestir impecavelmente, ter modos, se interessar por artes... Ufa!
  Além da tensão com o casamento, o casal ainda precisa lidar com Cassandra, a tia de Ian que odeia sua esposa, e fica empurrando seu filho para Elisa, irmã dele. Com toda essa pressão, é de se esperar uns certos piripaques da nossa protagonista né? Mas cara, desmaiar a cada capítulo não é normal. Será que poderia ter algo a ver com uma certa maldição que anda aterrorizando a todos?
  O romance continua bem bonito, no começo a leitura foi meio arrastada pois já faz um tempo que li o outro livro, mas assim que me ambientei na história tudo fluiu muito bem. As cenas entre Ian e Sofia são de tirar o fôlego!

É como um coração mecânico. Ele grava a passagem do tempo. Os ponteiros registraram cada dia quando ainda não nos conhecíamos, numa espécie de contagem regressiva. Eles marcaram cada minuto desde que nos encontramos. E agora marcarão cada segundo da nossa vida.

Resultado de imagem para emma watson gif

  A escrita melhorou MUITO em relação as gírias que a personagem usava e me incomodavam, suas falas se tornaram bem mais suaves. O machismo nessa edição foi bastante explorado, inclusive por Ian, o que me incomodou apesar de entender que na época isso era comum. Mas justo o Ian, crush literário? #Chateada
  Em um certo momento, Sofia cogita de verdade mudar quem ela é para agradar o marido e "salvar" seu casamento, e isso me deixou passada, pois pra mim ela é uma daquelas personagens do tipo "me aceita ou me esquece".
  A edição está linda, a capa como sempre remete do que se trata a história, e em alguns trechos que são cartas ou bilhetes, a tipografia se torna caligrafia. Editora Verus arrasando como sempre! Não posso contar muito mais da história, mas adianto que é cheia de reviravoltas, e muito mais acontecimentos do que o primeiro livro! O final me surpreendeu, foi uma leitura incrível! #PartiuDestinada 

18 comentários:

  1. Oie, tudo bem?
    Não conhecia os livros até chegar aqui na sua resenha, e meu Deus eu AMEI que você usou um Gif, ainda mais com a rainha Emma <3 (eu adoro gifs kkkk)
    Não sei se são livros que eu leria, até porque não costumo ler romances, mas achei ótimo que no segundo livro muitas coisas mudaram para melhor, principalmente a parte das gírias que era algo que te incomodava né.
    Parabéns e sucesso sempre.
    Beijinhos, bom fim de ano e que venham mais e mais leituras <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha, eu SEMPRE uso gifs pra ilustrar as resenhas, se tornou vício! Obrigada, bom fim de ano pra você também ♥

      Excluir
  2. Olá, eu ainda não li essa série da Carina Rissi, quem sabe leia futuramente, já que gosto de romances. Bacana saber que esse segundo volume é mais agitado que o primeiro, chata essa questão do machismo.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Li essa serie ano passado e me apaixonei por ela. Por todos os livros. A questão do machismo é complicada mesmo, más o mocinho é de outra época e ele acaba cedendo. Acho que se ele aceotasse tudo que a Sofia queroa logo de cara não ia ficar verossímil.
    Adorei a resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro os livros da Carina, mas confesso que ainda não comecei a serie Perdida. Estou esperando a autora terminar porque sério, isso já era pra ter acabado. Mas sei que vou curtir.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SIM, eu tô com medo que os próximos livros sejam encheção de linguiça. Pois achei que o primeiro acabou de uma maneira bem linda, apesar de ter gostado da continuação.

      Excluir
  5. Essa é uma serie que ainda não li e nem sei explicar o motivo, todos os outros livros da Carina eu simplesmente amei, creio que ela amadureceu bastante a sua escrita e hoje é um dos grandes nomes da literatura nacional, quanto ao machismo, é dificil entender que aquilo é fruto de uma época super atrasada ne?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não li nenhum dela fora dessa série, olha que coisa! Haha
      Mas é isso mesmo, é que o Ian sempre foi tão lindo e charmoso, quase não acreditei quando justo ele foi machista :(

      Excluir
  6. Oi, Jessica!
    Encontrada é uma daquelas sequênicas que a gente não quer que termine né? Gostei muito da forma como a autora explorou o machismo - e siiiim, também fiquei super chateada que o Ian se enquadrasse ali - e como ela nos trouxe coisas que a gente não esperava.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! Tão gostosa a leitura, que nem dá vontade de parar!

      Excluir
  7. Olá...
    Ainda não li nenhuma obra da autora, mas tenho grande interesse nessa série. Adorei seus comentários sobre a obra! Achei a premissa muito legal e pelos seus comentários a obra possui vários elementos que me atraem em uma leitura... Espero poder ler em breve <3
    Valeu pela dica!
    Bjo

    ResponderExcluir
  8. Oi!

    Eu ainda não li nada da autora, mas tenho bastante interesse, principalmente nessa série. Essa questão do machismo sempre me incomoda muito, muito mesmo, então já sei que iria me incomodar, apesar do contexto da época. Parabéns pela resenha.

    beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, mas a série é maravilhosa mesmo retratando essa parte chata da nossa história, com o machismo e tudo mais.

      Excluir
  9. Oi! Simplesmente adoro a série!
    Única que vou discordar da sua opinião é a respeito das gírias. Ainda acho que a Sofia falava gírias demais rsrs
    Mas no resto é a mesma ideia. Não gostei quando ela tentou ser alguém que não era. E a parte que ela surtou achando que tinha sido traída ("desnecessauro").
    Mas enfim, até agora é meu favorito e foi legal ver suas impressões aqui.
    Beijos!

    ResponderExcluir

© Viver em dois mundos - 2016 | Todos os direitos reservados| Tecnologia do Blogger.