A guerra que me ensinou a viver

Resultado de imagem para a guerra que me ensinou a viver  Ada roubou meu coração. Quando li "A guerra que salvou minha vida", me apaixonei perdidamente pela escrita de Kimberly Brubaker e senti falta de uma continuação, mas fiquei satisfeita com o final da história que nos foi apresentada. Então, quando eu menos esperava, a maravilhosa Darkside lançou "A guerra que me ensinou a viver", e lá fui eu, chorar mais um tantão com a história dessa criança linda em uma época tão difícil. Essa resenha pode conter pequenos spoilers sobre o livro anterior! 
  Começamos esse livro quase na mesma época que o outro terminou. Ada tem seu pé operado, e pode andar normalmente como qualquer criança. Após a antiga casa de Susan ser bombardeada, eles precisam se mudar para outro lugar, que é gentilmente cedido pela Lady Thorton (assim como a cirurgia).
  A guerra está mais cruel do que nunca, e agora sentimos bem mais a aflição da personagem sobre isso. Rações de comida, poucos alimentos para todos, lojas fechando, pessoas se mudando. E pessoas morrendo. 
  Mãe, a terrível mulher que torturava Ada e Jamie, faleceu. Agora, Susan é legalmente a guardiã das duas crianças, e tudo está bem. Porém, viveremos mais traumas que nada tem a ver com o pé (agora curado) da garota. 

Bombas caíam do céu. Garotos caíam das árvores. Qualquer coisa podia acontecer. A qualquer hora. 

Resultado de imagem para horse gif girl tumblr

  Agora, sem toda a raiva e ódio da Mãe, podemos conhecer quem Ada realmente é. Ela se recusa a se "soltar" com Susan, pois tem medo de tudo mudar novamente. Chamar a guardiã de mãe é uma ofensa, pois ela é muito melhor do que sua mãe jamais foi. Ela prefere a palavra e o significado da palavra guardiã. Após ganhar um dicionário, aprende várias palavras novas, e é lindo vê-la descobrindo novas definições para sensações que ela não sabia descrever. Todos os personagens secundários são extremamente incríveis, e a narrativa é encantadora e poética, como é típico dessa duologia. 

Mas você tem outras cicatrizes, não tem? Todo mundo tem. As invisíveis.

  O final, como sempre, foi lindo. Não acho que deva se tornar uma trilogia, mas se acontecer, com certeza vocês me verão resenhando a obra na primeira semana de lançamento, pois se eu já era apaixonada, esse livro me fez entregar meu coração todinho a essa autora e a essa personagem tão cativante e querida. Sobre a edição, só elogios! Uma capa ainda mais linda que a anterior, capítulos curtinhos que acompanham os pensamentos e ações da garota, e fotos reais da época da guerra. Tudo muito tocante, e feito com muito carinho pela editora. 
  Recomendadíssimo para você quer ama livros sobre a guerra, narrado por crianças, ou só está procurando algo maravilhoso para ler. 

34 comentários:

  1. Fui ler o meu e descobri que recebi o primeiro novamente ao invés desse.. Li ri muito, pois a pessoa aqui anda tão lenta que ainda publicou a foto dizendo que era o 2.. Ninguém me corrigiu. Rsrs

    Estou ansiosa por esta leitura, porém agora terei de esperar um pouco os correios fazerem o péssimo trabalho de entrega.

    Adorei o primeiro volume.
    Amei sua resenha.. Me deixou ainda mais animada.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita! Hahaha
      O segundo é ainda mais lindo, se isso é possível! Eu devorei o livro em apenas alguns dias, pois estava ansiosa também!

      Excluir
  2. Oi! Também sou apaixonada por Ada e sua história, acho que nunca desejei tanto um livro, como desejei o primeiro! E concordo com cada palavra sua, sobre chorar e morrer de amor por essa história e seus personagens. Este segundo livro ainda não pude comprar, mas estou contando as moedinhas, porque quero demais ver como Ada cresce e tira aquele peso horrível da mãe e suas crueldades do coração! Se for trilogia, eu já estou morta com farofa! A edição da Darkside não precisa nem de elogio nem nada. Obrigada pela resenha!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Se for trilogia eu quero MUITO, pois meu coração é todinho dessa personagem linda. Eu fico encantada a cada livro!

      Excluir
  3. Amo os livros da Darkside, mas a linha Darklove não me chama muito atenção.
    Sou mais a linha da caveira trevosinha! uhauhauhauha
    Entretanto curti conhecer um pouco da obra aqui n seu blog!
    Parabéns pela resenha!

    Beijinhos

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, eu amo a linha DarkLove! Sou apaixonada <3

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Nossa, um livro sobre a guerra, narrado por crianças, que interessante. Uma mãe terrível que tortura os filhos, já quero os dois livros pra ontem. Sua resenha e a premissa do livro, me ganharam literalmente, e já vou eu ficar mais pobre hoje. Ótima dica!
    Bjos

    www.momentosdeleitura.com

    ResponderExcluir
  6. Pulei grande parte da resenha porque pretendo ler o primeiro livro, mas preciso confessar o meu amor pela Darkside, nao basta uma capa linda, eles ainda foram super rapidos na continuação, isso é sensacional demais, preciso ler o quanto antes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Li o primeiro livro ano passado, se não me engano, e já amei muito ♥

      Excluir
  7. Tenho um certo pé atrás com os livros da Darkside por causa de muitos erros que encontrei nos livros que eu li, mas sua resenha apaixonada está me fazendo pensar em ler esses dois livros! Acho que vou dar uma nova chance à editora.
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério, quais erros?
      Eu só não confio MUITO pois já li livros bem ruins deles (SÓ OS ANIMAIS SALVAM). Mas os outros amei todos até agora!

      Excluir
  8. Preciso conhecer logo a história de Ada. Eu gosto muito desse tipo de leitura, mais emocionantes. Principalmente por ter uma criança envolvida. Eu fiquei sabendo só quando lançou que tem o segundo livro. Preciso ler logo o primeiro.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  9. Eu não gosto de livros que tratam de guerra, pois eles sempre partem meu coração. Até hoje sou capaz de "ouvir" as bombas explodindo no livro A Menina que Roubava Livros.

    Mas fiquei louca para ler essa história! Já tinha ouvido falar dela antes, mas creio que nunca parei para ler uma resenha. Vou colocá-lá imediatamente na minha lista de futuras leituras. Começando pelo primeiro livro, claro.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Olá! Tudo bom?

    Confesso que o tema em si não é do meu agrado, mas já li tantas resenhas e comentários positivos sobre os dois livros que fico imensamente curiosa sobre a obra e pretendo sim ler o livro em algum momento. Amo a diagramação do livro, acredito que a DARKSIDE teve um carinho enorme ao criá--lo. Dica mais que anotada ♥

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Li este livro no comecinho deste ano e adorei. Quando vi que teria uma continuação fiquei muito empolgada e ao ler sua resenha agora, só tenho certeza que preciso ler este livro com urgência.
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi, Jéssica

    Então, eu leio apenas resenhas super elogiosas sobre esse e o primeiro livro, mas eu não gosto de livros ambientados em guerras e não gosto de livros onde o protagonista é uma criança, ou seja, não vou ler. Ahhahaha
    Mas que bom que foi uma experiência tão bacana pra você. Caso tenha um terceiro livro tomara que seja tão bom para você quanto os dois primeiros.

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu comprei o primeiro livro e ainda não consegui realizar a leitura. Por sua resenha estou animada por como é uma trama bem delicada e desenvolvida em meio tempos difíceis.
    A capa é lindíssima e fiquei com altas expectativas para essa leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que li sua resenha um pouco por cima, por causa do aviso de spoilers. Tenho o primeiro livro aqui e estou ansiosa para começar a ler, pois todo mundo elogia muito esse livro. Fico feliz que você tenha se encantado novamente com a escrita da autora e que a Ada seja uma personagem tão incrível. Além disso, adorei saber que o final é satisfatório, pois, mesmo você falando que vai querer ler caso houver uma continuação, pois demonstra que o desfecho não vai me deixar desesperada esperando respostas hahaha.
    Adorei saber que você gostou tanto da leitura e espero poder ler em breve e me encantar por essa história também!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro, leia muito o primeiro, é muito lindo!!

      Excluir
  15. Olá, tudo bom?

    Esse livro é maravilhoso e deu uma excelente continuidade para o primeiro volume. Assim como você, me vi apaixonada pela história, conhecendo mais a fundo a Ada e odiando a Mãe. Eu amo a narrativa da autora, a ingenuidade das crianças e como a história foi desenvolvida. Não sei se terá uma continuação (já que até o momento só essas duas obras foram publicadas), mas se tiver, também terei que ler na semana do lançamento, já que são dois dos melhores livros que já li na minha vida <3

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação, mesmo assim :)
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Espero que tenha um terceiro, mas se não tiver, a experiência foi incrível!

      Excluir
  16. Olá,

    Adoro livros cativantes e pelo visto esse é muito. Nunca li nada da autora, porém tenho o imenso desejo em conhecer suas histórias e sua escrita, principalmente por falarem super bem dela.
    Acho essa edição adotável, espero ler esse livro em breve.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não havia lido nada da autora até essa duologia, e é simplesmente incrível!

      Excluir
  17. Sou apaixonado por tudo que a Darkside pública e espero simplesmente poder conferir a leitura desde o primeiro livro. Já vi outras resenhas e simplesmente estou apaixonado pelo enredo que a editora resolveu publicar. Logo após esta sua resenha tão positiva, espero poder fazer isso logo logo.

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    A Guerra Que Salvou minha Vida está na minha lista de desejados, não sabia que existia um segundo. Eu particularmente, não gosto de livros ambientados em períodos de guerra, Por "n" motivos, mas esse me chama muito atenção e quando li a resenha do primeiro livro, já quis ler na hora. Vou colocar a continuação na lista tbm hahaha
    Beijos
    Traveling Between Pagez

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro os livros ambientados em guerra, são meus livros favoritos!

      Excluir
  19. Olá!
    Acho essa edições da Darkside, muito lindas e fico louca para ler esses livros, tenho muita vontade de ler o primeiro, mas tenho um problema com livros que se passam na segunda guerra, acho tão angustiante, sabe. que fico um pouco sufocada! Mas irei colocar na meta para ser lido.

    beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É essa a intenção, na verdade. Fazer a gente se lembrar... eu acho que é uma maneira de homenagear todas as pessoas que sofreram na época..

      Excluir

© Viver em dois mundos - 2016 | Todos os direitos reservados| Tecnologia do Blogger.